TREINAMENTO DE DIREÇÃO ECONÔMICA NA UNIDADE DE TRÊS MARIAS - VIAÇÃO ITAPETINGA


Os gastos da frota estão diretamente relacionados a forma com o que os condutores dirigem os seus veículos. Custos com combustível desperdiçado, manutenção, depreciação e pneus, podem ser evitados se o motorista praticar a condução econômica. Por esse e outros motivos, a Viação Itapetinga de Três Marias buscou, em parceria com o SEST/SENAT, treinar, formar e acompanhar os condutores de sua Unidade buscando assim, uma redução de custos e o aumento da disponibilidade dos veículos. A prática da condução econômica é um processo que busca repassar ou reciclar conhecimentos, atitudes e habilidades de tarefas, com a finalidade de habilitar os motoristas a serem mais produtivos, contribuindo para alcance dos objetivos organizacionais.

Direção Econômica é o conjunto de conhecimento e prática que visa o melhor aproveitamento dos recursos naturais de equipamentos e de mão-de-obra. Dessa forma, significa operar o veículo de modo a acionar os mecanismos de controle (acelerador, freios, direção, caixa e transmissão) em sintonia com as situações que acontecem ao longo da viagem (subidas, descidas, retas e curvas).

Diante da dificuldade em melhorar a geração de receitas, em função da altíssima competitividade que vigora nas operações de transporte e do constante aumento dos insumos necessários, a condução econômica acaba ganhando um peso muito importante na participação da redução de custos e no aumento da disponibilidade dos veículos.

O curso e treinamento de direção econômica teórico e prático na Unidade de Três Marias ocorreu nos dias 17 e 18, 24 e 25 de outubro de 2017 e foi ministrado por Wesley Dias Magalhães, instrutor teórico e prático, do SEST-SENAT Unidade D-42 de São Gonçalo do Abaeté-MG.